sexta-feira, 16 de julho de 2010

A verdadeira beleza dos enterranços :D


Ora eu, que ando muito piadética, informo-vos que vou inaugurar a rubrica no blogue que se refere a enterranços. Por enterranços entenda-se aquelas situações em que nos apetecia fugir no momento a seguir de acontecer, por serem do mais vergonhoso que há e não os enterranços ordinários, ok? :). Enterranços meus, de outros, mas sempre estrondosos. Eu tenho uma panóplia deles, mas espantei-me quando descobri que há pessoas piores que eu... :D

No universo Qi, ( onde trabalhei 8anos ), a coisa tomava proporções mutantes, de forma a gravar no disco rígido e nunca fazer delete, para contar a filhos netos e todas as gerações possíveis a seguir à nossa. Muito rica e vasta, a cultura dos enterranços era preservada como se de um tesouro se tratasse. E o massacre a quem enterrava, era constante. Ninguém escapava. Éramos de uma grande... euh... maturidade.

As histórias, por muito surreais que sejam, são absolutamente verdadeiras, os nomes é que não, só para dar uma maior credibilidade à coisa :) Aqui vai a primeira : ( só falta o distorçor de voz :) )

O João e o Zé andavam numa fase muito madura, que consistia em andar constantemente a dar biqueiros e murros na pessoa que estava a trabalhar no posto ao lado, ou seja, constantemente picados. E nunca a trabalhar, claro. Um dia ensolarado, apeteceu-lhes voltar a fazer mais do mesmo e o João foi ao posto do Zé e espetou-lhe um murro, e claro, fugiu! O Zé prometeu vingança, pois claro. O João, sempre com medo de ser apanhado de surpresa, andava sempre na espreita, a ver se o Zé se aproximava, até que, por uma frinchinha, apercebe-se que o Zé vem na direcção dele e fica preparado para a visita. Mas eis que a meio do trajecto, o Zé desiste de ir ajustar contas com o João, porque vem o Chefe e dá meia volta e como um bom colaborador, coloca-se a jeito a trabalhar, como se não soubesse fazer mais nada. O João, que está preparado para a visita do Zé, apercebe-se de passos e pumba!!!! Grande golpe Karateca!!! No...chefe... que ia a passar.

( Devo acrescentar que ainda hoje quando nos lembramos deste episódio, faz doer a barriga de tanto que nos rimos... :D :D )


13 comentários:

  1. Rsssssssssssssssssssssssssssssss ... não como como não ficar imaginando a cena ... hilário demais, gostei do nome "enterranços" acho que sou enterranceira rs. Beijo

    ResponderEliminar
  2. MUITO ENGRAÇADO!!!
    Só de de imaginar a situação: o supervisor caído, o karateca com um ar de espanto e sem reacção e o Zé a rir-se a pensar que esta foi a melhor vingança que poderia ter tido.

    Estou ansioso por mais enterranços

    ResponderEliminar
  3. Looooooooool
    Eu pagava para ter visto essa cena.
    Muito bom mesmo. Uma pérola. looool

    Olha que de super-heroina, se calhar ficavas muito fixe. Junta uma cambada de amigos e aperece na festa. Estão todos convidados.

    Ass. O artista :-) lol

    ResponderEliminar
  4. olha eu tenho um problema com os nomes...tipo estar com alguém que não vejo há muitos anos..."Olá Maria...", " Maria??", "desculpa Paula.." , " Paula???"


    enfim apanho cada barrete..

    bj

    ResponderEliminar
  5. Angel,
    Hoje não podias ter inaugurado melhor esta secção de enterranços... estava mesmo a precisar :))))))
    Afinal não sou só eu que tenho de fugir de vez em quando!

    Beijos
    Bom fds
    Angel

    ResponderEliminar
  6. Esta é dos melhores enterranços da Qi, ou da Inf, ou então a mais actual Na.
    Se tivesses usado os nomes reais ia parecer que eram inventados LOL.
    Mas acho que podias ter usado outros nomes tipo, o João seria o "Cabalinho", o Zé era o "Marabilhas" e o chefe seria "Thefe" LOL

    ResponderEliminar
  7. Só me lembrei de uma coisa

    I shot the sheriffffffffff!!!!!!!!!!!!!!!!

    Ahahah!!!

    ResponderEliminar
  8. Angel, poderia me passar o nome do gadget que toca a musica?
    Eu nao estou encontrando!
    Manda uma mensagem com o nome dele pra mim!
    obrigado!

    ResponderEliminar
  9. Eu fiquei fixada na parte dos enterranços ordinários... sorry.

    ResponderEliminar
  10. Aii que lool xD

    se tivesse assistido eu estaria no chão a rir a rir a rir..sim porque eu assisto sempre a tralhos..ainda no outro dia ia no autocarro da universidade ia sair de lá e ia eu, e mais uma colega minha e mais 2 pessoas e entrou um homem a falar ao telemovel, tipo a motorista arranca o homem ainda nao tinha se sentado concluindo espeta-se no meio do autocarro e ao telemóvel eu só me ria ria ria tive q virar a cara para trás para me conter e ainda agora me estou a rir..a sério eu assisto com cada cena que eu ja pensei em comprar daquelas camaras de filmar pequenas só para andar na mala que é para apanhar cenas destas xD

    eheheh

    ResponderEliminar
  11. Eu tambem gosto de enterrar , por acaso . . .

    ResponderEliminar
  12. Olá Meu anjinho negro, só para deixar meu beijinho de bom dia!

    ResponderEliminar

Vá, enriquece-me com a tua sabedoria :)